Acessar o site em Inglês Acessar o site em Português
  • ANPO

  • TV ANPO

  • CTR/ANPO
  • IG DO GRANITO
  • BIBLIOTECA

  • EMPRESAS


TENDÊNCIAS NO MERCADO DE PEDRAS NOS ESTADOS UNIDOS – 2019

Publicado em 19/03/2019

Por Anil Taneja – Diretor da revista Litosonline.com


1. No início de 2019, há expectativas de que a demanda por pedras naturais aumentará em relação ao ano passado. As encomendas assinadas nos primeiros meses do ano em fábricas de pedras naturais em todo o mundo parecem estar de acordo com essas expectativas.

2. Os quartzitos do Brasil continuam em alta demanda. Suas cores brilhantes e o design de suas veias os tornaram populares. Taj Mahal e quartzitos brancos com fundos pretos são os mais solicitados. Também parece haver uma demanda maior por placas de granito de baixo preço, especialmente cinza e branco, de produtores no Brasil, na Índia e na Europa.

3. A cor branca ainda está na moda, por enquanto. Calacatta ainda é o rei. Há sinais de que a cor cinza está se tornando mais popular, mas ainda é cedo para garantir algo definitivo em termos de grandes mudanças nas tendências.

4. Nos últimos anos, a demanda por pedras naturais aumentou para o segmento residencial em áreas externas e pátios: chaminés, áreas de cozinha, áreas de estar e outros espaços sociais. As áreas da piscina de urbanização são um segmento onde a pedra natural continua a encontrar uma saída.

5. O mercado residencial permanece muito forte praticamente em todo este país geograficamente grande. As taxas de juros ainda são baixas e, por enquanto, ninguém em Wall Street ainda está falando de uma "bolha imobiliária". Em algumas áreas do país, como Manhattan, por exemplo, a palavra mais usada é "acessibilidade" quando se fala em moradia. Pelo contrário, em outras partes há falta de moradia.

6. Muitos proprietários querem revender suas casas, então quando eles fazem uma reforma, eles querem jogar em segurança. Até agora, o quartzo tem sido usado para esses trabalhos. É no segmento de luxo onde os compradores procuram materiais de tendência e o preço não é um critério. Estranhamente, ou talvez não tão estranhamente, é aqui que o porcelanato, apoiado por grandes orçamentos de marketing, pode encontrar uma saída, ameaçando até mesmo as pedras naturais premium exclusivas.

7. O mercado de projetos comerciais varia de uma região para outra. Em cidades como Atlanta ou Miami, há crescimento: hotéis de luxo, condomínios, edifícios de escritórios, bancos, etc. Um grande número de igrejas também está sendo construído. Mas em cidades como Washington DC, Chicago, Dallas, Seattle, etc., a construção de edifícios comerciais parece ter caído. Em geral, a pedra natural ainda possui um bom mercado em projetos comerciais. Existem muitos projetos na fase de planejamento.

8. Como em muitos países europeus, o aumento da construção de uma economia em expansão, após um longo período de estagnação, levou a grave escassez de mão de obra qualificada: pessoas capazes de trabalhar com máquinas modernas de controle numérico. Há falta de desenhistas, operadores de máquinas, instaladores de pisos, paredes e cozinhas.

9. Há notícia de que os produtores estão utilizando resinas mais baratas e de baixa qualidade para o polimento de chapas, o que prejudica o mercado.

10. O quartzo ainda está na moda. É o que o mercado está exigindo e o que a indústria quer fornecer. No entanto, a imposição de tarifas ao quartzo da China criou muita incerteza em termos de oferta. Importadores, antecipando as tarifas, asseguraram um bom armazenamento deste material final do ano passado, mas as cores mais demandadas podem se acabar em breve. A incerteza é agravada pelo fato de que vários importadores, fabricantes e instaladores dos EUA se uniram para lutar contra as tarifas impostas pelo governo dos EUA.

11. O enorme aumento na produção de porcelanato de grandes formatos na Europa, significou que as empresas já estão fazendo grandes esforços de marketing para entrar no mercado dos EUA. As primeiras reações foram variadas: desde as positivas, com alguns lojistas redirecionando seus negócios para uma demanda positiva de porcelanatos e negativa de quartzo. Mas isso pode ser uma parte do processo de aprendizagem de trabalhar com um novo material. O tempo o dirá. Enquanto isso, a enorme produção de porcelanatos

de grandes formatos está causando um declínio contínuo em seu preço, mês a mês. Por enquanto, parece que o porcelanato e outros materiais alternativos estão evoluindo para dois segmentos de produtos: marcas de luxo, que podem colocar preços altos e onde os fabricantes também exercem controle sobre logística e fabricação final; e porcelanato de maior consumo, onde uma guerra de preços selvagem já começou e está longe de terminar.

12. As formas de pagamento oferecidas por alguns compradores dos EUA aos fornecedores de porcelanato em muitos casos são incríveis: de 180 a 360 dias! A resposta dos produtores de porcelanato ainda está para ser vista: eles aceitarão essa maneira de trabalhar ou estabelecerão seus próprios armazéns? Na verdade, alguns fabricantes de porcelanato já instalaram seus próprios armazéns e fábricas.

O autor agradece a Saket Hans, Jeffrey Matthews, Sanjiv Goenka e Luis Corrales pelas informações fornecidas para a preparação deste artigo.

Fonte: https://www.litosonline.com/es/article/2019-feb-19/tendencias-del-mercadode-la-piedra-en-estados-unidos-2019

Acessado em 19.02.2019 e traduzido por Cid Chiodi Filho, com autorização do autor.


Por Anil Taneja – Diretor da revista Litosonline.com
TENDÊNCIAS NO MERCADO DE PEDRAS NOS ESTADOS UNIDOS – 2019

Compartilhe:

 

 

Visitas: 360

Fonte: TENDÊNCIAS NO MERCADO DE PEDRAS NOS ESTADOS UNIDOS – 2019

Entre em contato

Site seguro

https://www.anpo.com.br/ https://www.anpo.com.br/